Validação científica

Divisão de medicina do sono, Hospital Brigham and Women's e Faculdade de Medicina de Harvard

Medições objetivas e subjetivas de sonolência e suas associações com acontecimentos durante a direção em estradas com trabalhadores por turnos.
Ftouni S, Sletten TL, Howard M, Anderson C, Lenné MG, Lockley SW, Rajaratnam SMW (2012).
Publicado na JRevista de medicina do sonoJ 2012.

A sonolência em tempo real, conforme determinado pelo oculografia de refletância com infravermelho, é proporcional às medidas de laboratório de padrão-ouro: Um estudo de validação
Anderson C, Chang A, Ronda JM, Czeisler CA (2010), Sono, 33 (Suppl.1):A108
Publicado em Sleep, 33 (Suppl): A108.
Apresentado no SLEEP 2010, 24° Encontro anual de profissionais associados à sociedades do sono, San Antonio, Texas, EUA.

Centro de pesquisas de acidentes da Universidade Monash (MUARC)

Desempenho na direção e a Escala de Sonolência Johns
Stephan K, Hosking S, Regan M, Verdoom A, Young K, Haworth N (2006).
Publicado no MUARC Relatório N° 252. A relação entre o desempenho na direção e a Escala de Sonolência Johns conforme medido pelo sistema da OPTALERT.

 

Escola de psicologia, psiquiatria e medicina fisiológica, Universidade Monash, Victoria, Austrália

Trabalho em turnos noturnos e direção sonolenta com enfermeiros australianos
Ftouni S, Sletton T, Howard, M, Lenne, M, Lockley S, Rajaratnam S (2010).
Publicado em Sleep e Biological Rhythms, 8: A57.
Apresentado na Sleep Down Under 2010 Biodiversidade do sono, 22° encontro científico anual da associação australiana do sono e associação de tecnólogos do sono australianos, Christchurch, Nova Zelândia, de 21 a 23 de outubro.

Avaliações objetivas e subjetivas de sonolência após restrições de curto prazo ao sono
Sletten TL, Segal AY, Redman JR, Lockley SW, Rajaratnam SMW (2009).
Conferência internacional de procedimentos sobre o gerenciamento de fadiga em operações de transporte, p117.
Apresentado em 2009 na Conferência internacional sobre o gerenciamento de fadiga em operações de transporte: Uma estrutura para o progresso, Boston, Massachusetts, EUA.

Projeto de tecnologia de fadiga e estado de vigilândia da BHP Billiton/Caterpillar

Tecnologia de ponta para alerta de aproximação de sonolência
Publicado em BHP Billiton Sustainability Report 2008: 65-66, 70-71.

 

Instituto de respiração e sono (IBAS), Hospital Austin, Victoria, Austrália

Sono, álcool, drogas e direção
Howard M, Stevens B, Swann P, Wilkinson V, Barnes M, Jackson M (2010).
Publicado em Sleep e Biological Rhythms 8: A4. Apresentado na Sleep Down Under 2010 Biodiversidade do sono, 22° encontro científico anual da associação australiana do sono e associação de tecnólogos do sono australianos, Christchurch, Nova Zelândia, de 21 a 23 de outubro.

Relação entre a forma de medição Perclos com o sistema de vídeo do copiloto e a Optalert
Howard M, Clarke C, Gullo M, Johns M, Swann P, Pierce R, Kennedy G (2006).
"Avaliação de dois monitores de fechamento das pálpebras para detecção de sonolência" Publicado em Sleep e Biological Rhythms, 4 (Suppl 1): A13 Apresentado em Sleep Across Time and Age. 19° encontro anual da associação do sono da Australásia (ASA) e associação de tecnólogos do sono australianos (ASTA), Perth, Austrália, de 5 a 7 de outubro, 2006.

Univerdiade de Tecnologia de Swinburne, Victoria, Austrália

Efeitos da cafeína nas pontuações na JDS™
Michael NJ, Johns MW, Owen C, Patterson J (2008). "Os efeitos da cafeína no estado de vigilância conforme medidos pela oculografia de refletância com infravermelho". Publicado em Psychopharmacology 200: 255-260.

Relações entre a Taxa de Álcool no Sangue e a JDS (2005 & 2007)
Drugs & Driving Research Unit, Universidade de Tecnologia de Swinburne, Victoria, Australia.
Instituto de respiração e sono (IBAS), Hospital Austin, Victoria, Austrália
Dados não publicados.

Centro de pesquisas sobre acidentes e segurança nas estradas – Queensland (CARRS-Q)

A sonolência objetiva prediz o desempenho em uma tarefa de simulação de percepção de perigo
Smith SS, Horswill M, Parker G (2009).
Conferência internacional de procedimentos sobre o gerenciamento de fadiga em operações de transporte, p3.

Real Força Aérea Australiana (RAAF): Instituto de medicina de aviação (AVMED)

Um sistema de detecção de sonolência para pilotos
Corbett MA (2009).
Publicado em Aviation, Space, and Environmental Medicine 80(2): 149.